Apolo Santos

Fundador
  • Total de itens

    222
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    37

Tudo que Apolo Santos postou

  1. Obrigado irmão! Boraaaa! Boaaa @Cleber Lucas! Fico feliz que tenha ajudado de alguma forma, só vamo!
  2. Apolo Santos ( @apolosantos ) Se você está aqui, certamente quer saber as fórmulas imbatíveis para explorar nos seus emails. Isso mesmo, aquelas que os copywriters iriam odiar se você soubesse! E é pra isso que eu tô aqui hoje. Preparei os 3 segredos que os maiores players do mercado internacional usam para conseguirem sucesso no Email Marketing. Bora usar esses hacks pra aumentar sua conversão? Simples assim, receita de bolo. A + B = C. Se você seguir o passo a passo, é impossível seus resultados não aumentarem. Quando eu falo de uma fórmula, não estou dizendo para você deixar de ser criativo ou testar novas estratégias. Muito pelo contrario! Você deve sim continuar inovando e usando sua criatividade, mas tudo tem sua hora. Você quer ficar sempre inovando, mas não ter resultados reais? Por isso que eu falo repetidamente para todos os meus seguidores e mentorados: esteja sempre criando novas estratégias, mas continue usando o que funciona. Só pense, se a gente sabe que essas 3 fórmulas funcionam, por que a gente iria deixá-las de lado e ignorá-las? NÃO, a gente não vai fazer isso. Eu pelo menos não, e te indico fortemente que também não faça. Nós iremos conciliar, ir usando o que funciona intercalado com novos testes. Uma dica pra você, após fazer o seu Calendário Promocional, sempre defina um espaço para testes. Eu recomendo que, a cada 4 campanhas promocionais que você fizer, 1 seja completamente inovadora. Assim, você consegue ter uma boa receita usando o que funciona e abre espaço para novas tentativas que, se funcionarem, farão o seu negócio decolar. Antes de pegar no lápis, você precisa disso Se você quer fazer uma copy que faça seu produto ou serviço explodir, o que você precisa primeiro? É claro, você tem que conhecê-lo como ninguém. Saber o que ele faz, o que ele tem de diferente, qual dor ele resolve. E mais, como amplificar aquela dor ao máximo! E agora que você da dor, como você pode resolvê-la da melhor forma possível, de forma rápida, prática e barata? Como você consegue aumentar o valor percebido dele? Enfim, destrinche tudo que puder sobre o seu objeto em assunto. Agora sim, estamos prontos pra conhecer as 3 fórmulas pra você usar nos seus emails! 3 FÓRMULAS IMBATÍVEIS pra você usar nos seus Emails 1. Os 4 Ps Cada fórmula que a gente conversar tem um ponto forte, um diferencial. E o dos 4Ps é a capacidade de entrar no coração do seu leitor e atacar de forma precisa sua dor. Uma coisa é você ir conversando com uma pessoa e ela ir falando "que o que fala faz sentido". Outra é você comprovar o que disse que a pessoa apenas concorda, ela não consegue e não vai refutar. Os 4 Ps estão em inglês, pois essa estratégia foi desenvolvida por um copywriter norte-americano. Mas bora lá conhecer um pouco mais sobre cada um desses P que eu tô falando tanto aqui: 1. Problem Exponha o problema do seu lead para ele. Isso pode ser em uma afirmativa ou em uma pergunta retórica, pois ele sabe que tem esse problema, mas não aceita em parte das vezes. 2. Picure Ilustre, desenhe, mostre como seria a vida dele após resolver esse problema. É aqui que entra um dos gatilhos mentais mais fortes da neurociência aplicados no marketing: a stotytelling. Conte uma história, entre na mente do seu lead. Se tiver um exemplo, uma pessoa que passou por uma situação idêntica a ele, exponha. Faça-o ver que ele não está sozinho e que outras pessoas conseguiram mudar de vida, mas que isso depende da decisão dele. 3. Proof O seu lead neste ponto já está convencido que ele precisa mudar aquele realidade dele. Ele está, porém, um pé atrás: "quem que é esse cara que apareceu aqui me prometendo tudo isso? Como que eu não conhecia isso? Será que é verdade, que funciona?". Então aqui entra o gatilho da autoridade. Vamos apresentar dados, estatísticas, matérias irrefutáveis. Isso vai depender muito do que está sendo ofertado, mas agregue o máximo de valor possível. Por exemplo: se for algo de estética, fotos antes e depois funciona muito bem. Se for um produto de saúde, gráficos e matérias para reforçar esse cenário perigoso poderiam entrar. Vai da sua criatividade. 4. Proposal Se você parar e olhar os outros 3Ps que a gente conversou, temos que: o problema foi apresentado, mostramos que temos a solução e comprovamos a eficiência dela. O que falta? A OFERTA, seja ela uma venda direta ou apenas um CTA. Ele já quer e sabe disso. Portanto, faça uma oferta irresistível, para que ele no final diga o sim. Lembre-se: uma oferta excelente é aquela que entrega o que o seu leitor quer! Exemplo 4Ps: Para ver a imagem em tamanho real, clique nela. 2. AIDA Creio que você já deva ao menos ter ouvido falar dessa estratégia. Ela é, sem dúvida, uma das mais usadas no marketing digital sobretudo quando falamos de email marketing. Vamos ver agora o que essas letras significam: 1. Attention PARA AÍ. Chame a atenção do seu leitor! Isso pode ser feito pelo assunto do seu email, pelo pré-cabeçalho ou pela primeira headline do seu email. Faça-o parar o que estar fazendo e traga-o para o seu texto. 2. Interest Desperte o interesse deles dando algo que eles querem. Faça-os ficarem fissurados em querer saber mais do assunto que você tá falando 3. Desire Nesse ponto, você deve realmente apelar para fortes emoções e fazer o seu leitor falar a famosa frase "eu preciso disso agora". Ao atribuir essa urgência e necessidade, tudo fica muito mais fácil. Ele já está querendo e esperando a sua oferta. 4. Action O seu leitor que o que você tem. Você quer vender isso para ele. Apenas ligue os fatos e promova a ação! Exemplo AIDA: Para ver a imagem em tamanho real, clique nela. 3. PAS Vamos para a nossa última fórmula imbatível pra você explorar nos seus emails. Quando comparada com as outras duas acima, ela se mostra mais simples. Mais tranquila de usar, mas com uma eficácia surpreendente. 1. Problem Não fique contornado a situação, seja direto. O seu leitor quer isso. Você sabe o problema e a dor que ele tem, desas forma, jogue isso na cara ele. 2. Agitate Agrave e agite esse problema. O seu leitor sabe que isso incomoda, você sabe que isso é extremamente desagradável. Leve essa situação para outro patamar e torne isso um problema irrefutável. Você quer apenas lembrá-lo que ele tem esse problema, e que isso está o prejudicando. 3. Solve PLAAAM! Apresente a sua solução. Exemplo PAS: Para ver a imagem em tamanho real, clique nela. É uma fórmula, um passo a passo. Agora, não tem segredo. É uma receita de bolo que você deve seguir para ter resultados incrível com os emails. Ah, e uma dica, quando você for testar novas estratégias, que tal tentar pegar essas 3 que são validadas e funcionam para aprimorá-las? Aplique e me conte os resultados, pode ser? Valeu e boraaaa!
  3. As ações de empresas com grande exposição ao e-commerce engataram uma forte trajetória de recuperação após o pico de temor no mercado, provocado pela pandemia de coronavírus, e acabaram se tornando “vencedoras” na crise, com os consumidores passando a comprar cada vez mais nos canais online em meio às medidas de isolamento social. No acumulado de 2020 até o fechamento da última terça-feira (21), as ações das companhias do setor registram ganhos de ao menos 75%, enquanto o Ibovespa tem queda de 9,80% no mesmo período: a B2W é a maior alta do índice no ano, com ganhos acumulados de 89,68%, sendo seguida pela Via Varejo, com salto de 84,60%, enquanto o Magazine Luiza tem alta de 76,73%. A Lojas Americanas , acionista controladora da B2W, em alta de 37,55% em 2020. Com esse forte desempenho dos papéis, o questionamento que fica é até onde eles podem ir na Bolsa e qual será o futuro do e-commerce passada a pandemia. E, de acordo com visões recentes de diferentes casas de análise, alguns papéis do setor podem ter subido demais – enquanto outros ainda apresentam oportunidades, principalmente por terem um valuation menos esticado. Apenas nessa semana, Bradesco, XP Investimentos e Safra destacaram possuir recomendação de compra para a Via Varejo, tornando-se um consenso entre as três casas de análise, segundo reportagem do InfoMoney. O BBI ainda reiterou a recomendação para as ações de Magazine Luiza e da B2W como neutra, permanecendo com recomendação de compra para a Lojas Americanas. Na mesma linha, a XP reduziu Magalu para neutro, permanecendo com as recomendações neutra para B2W e de compra para os ativos da Lojas Americanas. E-commerce deve manter crescimento Na quarta-feira (22), a B2W anunciou aumento de capital no montante de R$ 4 bilhões. Segundo a companhia, o aumento permitirá a aceleração do plano estratégico de crescimento, incluindo eventuais aquisições estratégicas, “mantendo o compromisso de geração de caixa”. A Lojas Americanas se comprometeu a exercer o direito de preferência para a subscrição das ações, na proporção da sua participação no capital. Ainda de acordo com a publicação, a expectativa dos analistas para o segundo trimestre é de que os resultados devam ser impactados pelo fechamento das lojas físicas, mas que a “execução impecável” do e-commerce compense parcialmente esse cenário, uma vez que a companhia acelerou as suas vendas diretas, com ênfase em fornecer ferramentas digitais para que a sua equipe venda produtos para a base de clientes. Fonte: InfoMoney e EcommerceBrasil
  4. Valeu irmão, tamo junto dêre. Só vamo irmão Boaaa mito, boraa! Fico feliz que tenha ajudado. Vamo que vamo!
  5. Apolo Santos Salve pessoal, como vocês tão? Hoje vamos conversar um pouco aqui neste tópico sobre como podemos aplicar o instinto humano no Marketing. Basicamente, iremos transformar os impulsos mais primitivos, que todo ser humano tem de forma interna, em uma força gigantesca de consumo. A teoria do Cérebro Trino Eu não estou aqui pra entrar nesse mérito da medicina e explorar, como um cientista, a neurociência. Vou ser direto e explicar brevemente o que é essa teoria. Sempre focando na parte que iremos usar para aumentar nossas conversões, afinal, esse é o nosso objetivo final. Na década de 1970, o renomeado neurocientista Paul MacLean desenvolveu a teoria do Cérebro Trino. Para ele, nós, humanos, temos o cérebro divido em 3 unidades com funcionalidades diferentes, sendo que cada uma delas representaria um extrato evolutivo do Sistema Nervoso dos Vertebrados. Uai, mas como assim? Não tem mistério. O nosso cérebro teria uma região mais voltada para decisões racionais e lógicas, uma para agir emocionalmente e, por fim, a reptiliana que seria responsável pelas ações instintivas. A parte cerebral que remete aos mamíferos e o neocórtex são assuntos para os próximos capítulos. Vou adentrar aqui no tão falado e usado no marketing contemporâneo: o cérebro reptiliano. Por que explorar os instintos funciona tão bem? Essa é a primeira pergunta que você deve fazer para si mesmo. "Tão tá, eu entendi que é importante explorar os instintos do humano nas minhas copys, mas pra que? Qual a força que isso realmente tem?". Então vou te ilustrar de uma forma mais lúdica, pra ficar mais fácil de visualizar. Se a gente abrir a televisão agora, ir pro National Geographic e assistir qualquer programa animal, como a "Natureza Selvagem", a gente percebe que todos os animais são movidos por duas razões existenciais: comer e reproduzir. Se eles conseguem isso e sobreviver, estão satisfeitos. Então, por que o ser humano seria tão diferente? A resposta está aí, ele não é. A diferença da gente pra eles é simples: nós conseguimos controlar muito mais os nossos instintos que eles, afinal, somos seres racionais por definição: homo sapiens sapiens (a gente sabe que sabe). É exatamente aí que mora essa força GIGANTESCA que é a neurociência aplicada no Marketing. Sabendo que todos nós temos os instintos dormindo dentro da gente, você já imaginou a força que eles podem ter quando forem despertados? Todos nós queremos acordar, sair de casa, ir trabalhar e saber que, quando a gente voltar, a nossa casa vai estar lá intacta e com comida na geladeira. Mas por que isso conforta tanto? Pois remete ao nosso instinto. Remete à segurança, ao estado de controle, à liberdade. Outro exemplo: por que a gente quer ser o melhor do nosso ciclo social? Mais uma vez, volte à natureza. A gente quer isso pois na natureza funciona da seguinte forma: o melhor e mais forte se sobressai na comunidade e consegue um melhor sucesso reprodutivo, além de respeito. Tudo tem uma explicação. Quais são os gatilhos do Cérebro Reptiliano? Eu vou estar listar aqui pra vocês os 7 principais gatilhos que podemos explorar para ativar, de forma intensa e provocativa, o lao instintivo do cérebro humano. Ah, e vale a pena reforçar, eles não precisam estar de forma explicita e na cara do seu consumidor. Se eles estiverem velados e diluídos em seu texto ou imagem, você verá o resultado nos números de sua conversão! Poder: Nós queremos ser o "rei da tribo", como se diz no mundo animal. Entre mandar e ser mandado, queremos mandar. Segurança: Nós queremos acordar, sair e saber que tudo vai estar em ordem. Controle: Nós não queremos depender de uma situação, mas estar por cima dela. Aceitação social: Nós sonhamos em ser visto como o melhor, como uma referência na sociedade. Liberdade: Nós queremos ser livre para tomadas de decisões e para locomover, jamais ser privado disso. Prazer: Nós amamos o prazer, desejamos ele, o que pode ser observado na Libido explicada por Freud. Descoberta: Nós desejamos saber coisas inéditas, segredos. Isso nos faz ser especial, único. Agora que você já teve uma ideia melhor e como funciona o cérebro reptiliano nosso, que tal aplicar? De nada adianta saber a teoria, se você não colocá-la na prática para buscar ser sempre o mais persuasivo possível. Aplique e me fale os resultados, pode ser? Caso tenha alguma dúvida, comenta aqui pra gente ir conversando sobre. Até o próximo conteúdo!
  6. Obrigado Dennis! Seja muito bem-vindo e espero que a gente consiga estar te ajudando de alguma forma. Conte comigo!
  7. Concordo plenamente contigo! Muita gente não dá o devido valor pras métricas, mas esquecem que elas são exatamente o que devemos usar para otimizar nossas campanhas. Números e métricas são tudo pra gente!
  8. Descubra as 4 MÉTRICAS que VOCÊ PRECISA SABER sobre E-MAIL MARKETING Apolo Santos (@apolosantos) Hoje vou estar mostrando pra você as 4 métricas que é uma obrigação saber para todas pessoas que mexem com Marketing. Ainda mais se você for um copywriter! São elas: taxa de entrega, taxa de abertura, taxa de cliques e taxa de cliques por abertura. Serei breve e direto quanto ás informações. Qualquer dúvida ou complemento para o conteúdo, postem nos comentários que vamos adaptando aqui a postagem, combinado? Então bora. Métrica #1 - Taxa de Entrega Essa métrica é consiste, basicamente, na porcentagem de pessoas que efetivamente receberam o nosso e-mail. Ou seja, se escolhemos 100 pessoas para receber a mensagem, mas apenas 90 receberam, temos que a nossa taxa de entrega é 90%. A causa que essas pessoas não receberam são diversas, podendo ir desde um e-mail informado incorreto (ex: fulano@gemail.com), quanto o servidor estar fora do ar ou a caixa de entrada lotada. Essa métrica é importante para que você tire essas pessoas da sua base de leads e trabalhe apenas com quem realmente está apta a receber suas mensagens. Para se ter como base, uma taxa de entrega considerada ideal é por volta de 98%. Portanto, busque otimizar isso o máximo que você puder. Métrica #2 - Taxa de Abertura Vamos lá. A taxa de abertura é a razão das pessoas que realmente abriram o seu e-mail para o total de pessoas que o receberam. Ilustrando, temos: se 100 pessoas receberam o seu e-mail, mas somente 30 abriram, a sua taxa de abertura é de 30%. Mas por que isso é importante? Se as pessoas não abriram o seu e-mail, alguma coisa tem. Isso é um fato. Então, não perca tempo e comece a fazer alterações buscando aumentar essa taxa, como: Alteração no seu assunto: busque uma headline matadora e que dê para o seu lead o que ele realmente quer; Alteração no pré-cabeçalho: muita gente mal explora isso, logo, se você usar você já estará em vantagem; Uso de emoji: teste, às vezes o seu público responde melhor caso tenha um emoji no assunto ou no pré-cabeçalho; Uso de variáveis: explore itens como o nome da pessoa, o produto, alguma variável mais específica; Entre outros. Eu te afirmo que, para ter bons resultados no E-mail Marketing, você deve otimizar a sua Taxa de Abertura o quanto antes. Uma taxa considerada "boa" é por volta de 32%, mas com certeza dá pra melhorar e atingir algo em torno de 40%. Isso porém depende bastante do qual será o objetivo do seu e-mail. Métrica #3 - Taxa de Cliques Como o próprio nome já diz, ela é a razão entre o número de cliques pelo total de e-mails que foram entregues. É uma métrica importante, apesar de, ao meu ver, estar abaixo da métrica que vou contar para você no item #4. Essa métrica é bem relevante, e deve ser olhada sim. Mesmo que seja um pouco abstrata, já que o espaço amostral é muito amplo, é uma das métricas mais usada no meio do E-mail Marketing. Métrica #4 - Taxa de Cliques por Abertura (CTOR) Essa métrica, conhecida como CTOR, é sem dúvida uma das mais relevantes. Ela consiste no número de cliques dividido pelos e-mail que realmente foram abertos. Ou seja, imagine o seguinte cenário: você mandou 100 e-mail, apenas 30 foram abertos e você obteve 5 cliques. Logo, temos que o seu CTOR é 5/30 ou 16,66%. Seja fiel nessa métrica e faça testes A/B com diferentes CTAs (call to action ou chamada para ação). Para quem não sabe o que é isso, são os botões do seu e-mail, por exemplo: se você usou o texto "clique aqui" no seu botão, mude para testar. Tente colocar algum benefício, como: "Eu quero essa promoção" e envie para ver os resultados. Seguem alguns pontos para se considerar: Trabalhe o CTA, como eu disse acima; Busque deixar o seu texto o mais persuasivo possível, com vários gatilhos mentais; Mostre para seu lead aonde ele deve clicar, guie-o durante o e-mail; Teste colocar o botão na primeira dobra (primeira parte do e-mail); Entregue conteúdo de relevância para o seu lead para que ele queira clicar no botão (esse é o MAIS IMPORTANTE)! Esses testes vão te fazer aumentar com certeza a sua quantidade de cliques e sua taxa de conversão. Duvida? Teste e me conte, eu falo isso por experiência própria e porque eu trabalho com e-mail marketing diariamente. Tudo que falei aqui, foi testado e valido por mim previamente. Esperando que esse conteúdo tenha sido útil para vocês. Gostaram? Me conta aqui nos comentários!
  9. Nada, tamo junto! Está um pouco corrido mas vou estar trazendo novos conteúdos pra cá. Fica à vontade, no que eu puder ajudar estarei à disposição! Um abraço!
  10. Concordo contigo irmão! Seja muito bem vindo a nossa comunidade! Espero que você consiga aproveitar bastante nossa comunidade, fique à vontade para postar suas dúvidas, sugerir conteúdos que vamos estar postando para você! Quanto à loja genérica ou nichada, isso é relativo. Se quiser credibilidade, a loja nichada é mais fácil de atingir. Portanto, o que eu recomendo é ter uma loja genérica para você testa os produtos e uma nichada para quando encontrar um produto que está vendendo bem acima e investir nesse nicho.
  11. Olha, eu particularmente gosta de seguir os números, por isso testamos bastante os produtos. Por exemplo: pegamos 5 produtos para testar e, a partir disso, vamos validando. O que estiver indo melhor, a gente escala. O que estiver indo pior, a gente reduz o valor diário. Assim vamos validando os que estão mais em alta e investindo bem mais neles. E são nesses testes que aparecem produtos, muitas vezes até inesperados, que tem um pico de vendas gigantesco. Eles são os produtos vencedores.
  12. Seja muito bem-vindo @Efraim Sernikov! Espero que encontre conteúdos de relevância para você e, qualquer dúvida, pode me chamar. Será um prazer ajudá-lo como eu puder.
  13. Isso! Os tópicos são organizados pela data de atualização/modificação. Quanto mais recente os comentários, mais em cima ele fica
  14. Análise de métricas e escala no Facebook Ads. E para finalizar a Semana do Tráfego com o Gustavo Dibai ( @gustavodibai ), essa última aula é exatamente o que faltava para você faturar alto na internet. Se você ainda não viu as outras 3, dê uma olhada aqui no site. Assista e depois nos dê um feedback para continuarmos trazendo conteúdos exclusivos para você, combinado? Abraços e até o próximo conteúdo!
  15. Como criar anúncios no Facebook Ads sem nenhuma complicação! Chegou o momento que você tanto esperava: criar os seus primeiro anúncios no Face Ads. Vem com o @gustavodibai - membro da comunidade AprendaDrop - e finalize o dia de hoje já vendendo pela internet por meio das estratégias exclusivas que ele passou. Essa vídeo aula é gratuita e com um conteúdo exclusivo. Assista e depois nos dê um feedback para continuarmos trazendo conteúdos exclusivos para você, combinado? Abraços e até o próximo conteúdo!
  16. Iniciando no Tráfego Pago e organizando os funis das campanhas Inicie ainda hoje no tráfego pago aprendendo com quem já faturou muito alto e já investiu mais de 6 dígitos apenas em Face Ads. Vem com o @gustavodibai - membro da comunidade AprendaDrop - nesse vídeo, aprenda o passo-a-passo do tráfego pago e organize os seus funis de venda. Essa vídeo aula é gratuita e com um conteúdo exclusivo. Assista e depois nos dê um feedback para continuarmos trazendo conteúdos exclusivos para você, combinado? Abraços e até o próximo conteúdo!
  17. Iniciando um novo E-Commerce e técnicas de mineração de produtos Aprenda exatamente o que você deve ser feito e o passo-a-passo para criar a sua loja de sucesso com o @gustavodibai - membro da comunidade AprendaDrop. Essa vídeo aula é gratuita e com um conteúdo exclusivo. Assista e depois nos dê um feedback para continuarmos trazendo conteúdos exclusivos para você, combinado? Abraços e até o próximo conteúdo!
  18. Você quer aprender tudo sobre Tráfego Pago para usar no seu e-commerce? Se sim, você está com certeza no lugar certo. Pra quem ainda não conhece, o @gustavodibai é referência em tráfego pago, já tendo investido mais de 1 MILHÃO DE REAIS apenas em Facebook Ads e Google Ads. Já temos até uma matéria dele aqui no site. Pra quem não viu, vou deixar em baixo desse post. Ele tá fazendo a SEMANA DO TRÁFEGO nesta semana, e vai ter mais 3 lives. Fique ligado e acompanhe! LIVE 1: Segunda-feira (27/04) às 19:00 LIVE 2: Quarta-feira (29/04) às 19:00 LIVE 3: Sexta-feira (01/05) às 19:00 LIVE 4: Domingo (03/05) às 19:00 Acompanha lá e não perca! https://www.gustavodibai.com.br/live-trafego Conteúdo mencionado: Gustavo Dibai: mineiro de 17 ANOS faz 250 MIL POR MÊS.
  19. 4 DICAS PRECIOSAS para você MULTIPLICAR SUAS VENDAS rapidamente O que todos nós queremos, no final das contas, é aumentar o ROI, vendendo mais e gastando menos, correto? Mas para chegar nesse patamar, é preciso focar e otimizar algumas partes do processo de venda. Hoje, vamos abordar aqui 4 DICAS para que você consiga multiplicar as suas vendas. Vamos lá: 1. Foque seu produto em apenas um alvo Um dos maiores erros cometidos por quem trabalha com Dropshipping é esse: querer atingir várias personas com o mesmo criativo e produto. Se você está fazendo isso, mude o quanto antes. Arrisco a dizer que por volta de 80% dos dropshippers fazem isso, o que dá um destaque muito grande pra quem faz da maneira certa. Se você deseja vender um produto, dedique o seu tempo para construir a página de produto, página de vendas e os criativos com objetividade e especificidade. Por exemplo: foque em um único elemento do problema, da persona, do benefício, da emoção etc. Hoje em dia você não compra mais um shampoo, mas sim um shampoo americano para adolescentes com cabelo liso e loiro. Entende a diferença? Portanto, melhor do que atirar no escuro é dar um tiro certeiro. Preze pela especificidade e foque apenas em um elemento. 2. Apele para o Sexy, abuse do SexyCanvas É bem provável que você já tenha visto ou utilizado o SexyCanvas, estratégia desenvolvida pelo André Diamand (@andrediamand), né? Se a resposta foi sim, parabéns, você está em vantagem. Mas caso contrário, fique tranquilo pois estamos aqui agora para te colocar por dentro dessa poderosa ferramenta. Não vou delongar muito aqui pois temos diversos conteúdos focados nele aqui em nosso site (deixarei ao final algumas recomendações de conteúdos). Explore em seu site, em seu produto e criativos os 7 pecados capitais do ser humano, ou quantos você conseguir identificar no seu item: luxúria, ira, ganância, preguiça, vaidade, inveja, e gula. Mas, afinal, você sabe o que eles representam? Basicamente são emoções que todos nós temos, mas não externamos isso, guardamos para nós. Entretanto, quando vemos alguma propaganda, alguma coisa em nosso dia a dia que apele para essas sensações, isso capta a nossa atenção e apelam para o nosso inconsciente. Creio que todos conhecem um dos pilares do marketing e copy: o ser humano compra na emoção e justifica na razão. Apele para as emoções dele de forma sexy e atraente. Seduza o seu cliente! 3. Otimize os seus CTAs Os CTAs - call to actions -, ou chamada para ação, é basicamente um botão com um objetivo predefinido, podendo ser compra, registro, inscrever em seu newsletter etc. Lembrou? Agora me responda, você busca otimizar eles ou não se preocupa com isso? Vou deixar aqui um insight para vocês: sempre apele para a mudança, ao futuro, como ele estará após o produto no botão para compra. Vamos ilustrar isso abaixo: Uma pessoa, ao comprar um infoproduto de empreendedorismo, ela tem muitas coisas além da vontade de ter um negócio próprio nela. Ela deseja ser como o seu ídolo, ela deseja ser reconhecida, ter dinheiro, ter luxo - apenas supondo. Portanto, ao invés de fazer um botão com uma chamada " compre aqui seu curso ", explore algo como " crie e fature alto com seu negócio ", ou "tenha o seu negócio próprio agora". 4. Valorize (e muito) a experiência do cliente O seu site está intuitivo? Você compraria em seu site? Ele transmite profissionalidade e confiança? Se você quer ter uma boa taxa de conversão e ter um e-commerce de respeito e autoridade, obviamente você deve se preocupar com a experiência do cliente. Fora que ao otimizar a jornada dele, o próprio Facebook Ads entende que você está entregando anúncios de qualidade e otimiza suas campanhas. Agora, vou falar algo óbvio mas que é um dos pilares para você aumentar as suas vendas: ensine o seu cliente a comprar. Isso mesmo, facilite e mostre o que ele deve fazer. Não deixe a sua página poluída, mas o mais intuitiva possível para que ele não tenha nenhuma dúvida de onde ir. Se possível deixe tudo escrito, inclusive, por exemplo: antes do botão de compra, escreva "clique abaixo para comprar/mudar de vida/viver esse sonho". Se possível, dê cores e animações às partes mais importantes. E dê o valor que seu cliente merece. Trabalhe de forma amigável e respeitosa quanto às dúvidas de clientes, respondendo o mais completo possível no menor tempo que conseguir. Isso mostra que sua loja está lá não apenas para empurrar um produto e pronto, mas para manter um relacionamento e realmente preocupar com a satisfação dele. 5. Conteúdos recomendados Como eu havia dito acima, irei deixar alguns conteúdos relacionados que vocês podem explorar. São eles: Sexy Canvas: O que é e como aumentar suas vendas! Sexy Canvas na prática - Estudo de caso 1 Sexy Canvas na prática - Estudo de caso 2 Persuasão e Influência: explore e aumente a sua conversão Tipos de clientes do seu negócio e jornada de compra Espero que tenham gostado e, caso queiram ajudar a nossa comunidade, clique aqui para criar a sua conta e ficar por dentro de nossas novidades. Será um prazer tê-lo aqui conosco. Até o próximo!
  20. Seja muito bem-vindo @deyglison hutim! Ficamos felizes em tê-lo aqui em nossa comunidade, conte com a gente para o que precisar!
  21. Apolo Santos

    Drop

    Para divulgações, entre em contato com a nossa Equipe. Retirei o link.
  22. Chegou aquela época do ano de refletir e renovar as ideias. Como editora global do Think with Google, tive o privilégio de trabalhar com colaboradores de 21 mercados diferentes neste ano. Embora cada Think with Google reflita uma realidade com informações locais, alguns insights são universais e merecem ser divididos. Abaixo estão as 10 pérolas de sabedoria do marketing mais valiosas que escutamos de diferentes parceiros do Google ao redor do mundo em 2019. Seja para repensar uma abordagem antiga, seja para lançar uma campanha nova ou incentivar você e sua equipe a assumir novos riscos, esperamos que elas tragam novas inspirações para os seus futuros trabalhos. 1. Temos muito o que aprender com piratas (sim, isso mesmo) Onde você busca inspiração para ser disruptivo e ultrapassar limites? Para Sam Connif, líder de uma agência criativa e colaborador do Think with Google UK, a resposta está nos piratas. Ele compartilhou um modelo que estimula a quebra de normas e que pode servir de inspiração para quem toma grandes decisões. – Sam Connif para o Think with Google UK 2. Equilibre ativos globais com a realidade local A parceria da Mercedes Benz Middle East com o Unskippable Labs do Google propôs um novo olhar sobre carros de luxo em diferentes mercados: o que acontece quando o preço é divulgado ao final de um anúncio? E quando não é divulgado? Alex Brunori, Creative Impact Lead do Unskipppable Labs do Google Mena, divide os aprendizados de testes de preço em diferentes regiões. – Alex Brunori, Unskippable Labs do Google Mena 3. Use dados para romper estereótipos O que as mulheres brasileiras estão assistindo no YouTube? Analisar esse tipo de conteúdo foi uma forma de descobrir sutilezas que, de modo geral, costumam ficar de fora dos planos de mídia dos profissionais de marketing. Marcella Campos, Head of Marketing do YouTube Brasil, conta algumas descobertas dessas análises. – Marcella Campos para o Think with Google Brasil 4. Narrativas inclusivas não são apenas a coisa certa a ser feita: as pessoas respondem mais a elas As mulheres têm espaço nos anúncios do YouTube? Para entender melhor os números relacionados à representatividade entre homens e mulheres na plataforma, O Think with Google U.S. e o Instituto Geena Davis coordenaram um estudo global abrangendo 2,7 milhões de peças. – Geena Davis para o Think with Google U.S. 5. Vale a pena medir a eficiência de uma campanha na fase do briefing Um dos maiores desafios para os profissionais de marketing é entender como criar anúncios estratégicos e eficientes para o YouTube. No Think with Google Europa do Norte, alguns líderes do setor contam como se planejam para obter resultados surpreendentes. – Cecilia Steenberg Forsberg, Global Head of Agency, H&M 6. Nem sempre é fácil desvendar os próximos passos para a maturidade digital. Mas é preciso seguir em frente O que a minha empresa deve fazer para atingir a maturidade digital? Qual o meu papel nesse processo? Essas são algumas das grandes preocupações dos líderes e profissionais de marketing do Think with Google França. – Antoine Boulte, Diretor de Insights e Business Solutions, Google EMEA 7. Invista tempo e dinheiro para assumir riscos calculados em novas abordagens e tecnologias Larry Luk, CMO da L'Oréal Hong Kong, contou para o Think with Google EMEA como apostar em uma abordagem de marketing de teste resultou em insights e aprendizados valiosos para a sua equipe trabalhar em mensagens mais criativas. As novas tecnologias também tiveram um papel crucial nessa estratégia. – Larry Luk, CMO da L’Oréal Hong Kong 8. Contexto e relevância são elementos fundamentais para que os anúncios não sejam interrupções irritantes O que define um conteúdo verdadeiramente relevante? Para os líderes de mercado do Think with Google Canadá, a personalização é o segredo e está mudando a maneira de pensar conteúdo. – Tracey Cooke, VP of Marketing and Communication da Nestlé 9. O design do site mobile é tão importante quanto a velocidade da página Como oferecer a melhor experiência mobile para as pessoas e impulsionar bons resultados de negócio ao mesmo tempo? Especialistas em UX compartilham 4 dicas no Think with Google Alemanha. – Julius Schröder, Mobile Specialist, Google Europa Central 10. Retenção é um fator de crescimento Como as marcas conseguem criar uma experiência mobile atrativa para as pessoas? Alguns líderes do mercado detalharam suas estratégias no Think with Google América Latina. – Daniel Ferro, Diretor de Corporate Marketing, Mercado Libre Créditos ao Brianne Janacek Reeber Tendências de Consumo, Publicidade, Conteúdo https://www.thinkwithgoogle.com/
  23. Apolo Santos

    Drop

    Show. Desculpe a demora pois estava viajando, acabei de chegar! Olha, para fornecedores internacionais, como os da China, recomendo procurar no Aliexpress os vendedores mais bem avaliados. A plataforma deles é séria e a chance daquela pontuação ser falsa é mínima. Após iniciar fazendo drop por lá mesmo, você pode dar um passo à frente e buscar o contato desse fornecedor entrando em contato com ele. Dessa forma, você iria ter uma margem de lucro maior pois deixaria de pagar taxas para o Ali. Já sobre drop nacional, você deve procurar os fornecedores fisicamente ou pela internet. Mas fica um aviso: muitos, infelizmente, não agem da forma mais correta e acabam prejudicando o seu negócio. Dê uma procurada e filtrada, procure pessoas que já fecharam negócios com eles para ter certeza de que está no caminho certo. Em breve teremos aqui em nosso site um plataforma para ligar fornecedores aos dropshippers. Vai ajudar bastante também, e iremos filtrar somente os confiáveis. Espero que tenha ajudado de alguma forma @Jaque!
  24. Apolo Santos

    Drop

    Claro, entendo. Você já tem algo em mente? Se vai realizar drop nacional (com fornecedores apenas no Brasil) ou internacional (com fornecedores estrangeiros mandando os produtos para cá)? Depois de definir isso, fica bem mais fácil prosseguir. Se ainda não decidiu, me fale que posso até postar um artigo com algumas vantagens e desvantagens de cada um dessas modalidades!
  25. Apolo Santos

    Drop

    Olá @Jaque, tudo bem? Seja muito bem-vinda, conte conosco para ajudar no que pudermos. Você já mexe com drop ou pretende começar?